Erdogan, Jerusalém

O Presidente da Turquia, Edorgan reivindica Jerusalém como território turco

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan usou o período em que Jerusalém esteve sobre o domino do Império Otomano para reivindicar a cidade israelense.

A fala de Erdogan foi feita durante um longo discurso na abertura da sessão legislativa do parlamento turco na quinta-feira (1)

Ele disse o seguinte:

“Nesta cidade que partimos aos prantos durante a Primeira Guerra Mundial, ainda é possível encontrar vestígios da resistência otomana. Jerusalém é a nossa cidade, uma cidade nossa ”, disse Erdoğan.

Erdogan também disse que as paredes de Jerusalém na qual ainda existem até hoje, bem como a Cúpula da Rocha na Cidade Velha de Jerusalém, foram reconstruídas e restauradas por Solimão, o Magnífico, que reinou sobre o Império Otomano de 1520 até sua morte em 1566.

“A questão de Jerusalém não é um problema geopolítico comum para nós. Em primeiro lugar, a aparência atual da Cidade Velha, que é o coração de Jerusalém, foi construída por Solimão, o Magnífico, com suas paredes, bazar, e muitos edifícios. Nossos ancestrais mostraram seu respeito por séculos, mantendo esta cidade em alta estima.”

Quem foi Solimão, o Magnífico?

Solimão, o Magnífico

Em resumo, Solimão, o Magnífico foi o Califa do Islã e Sultão do Império Otomano de 1520 até sua morte em 1566. Ele era conhecido por proteger os súditos judeus de seu império por meio de reformas sem precedentes na época.

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.