fema

FEMA se prepara para declaração de emergência de coronavírus

//
4 min de leitura

A Agência Federal de Gerenciamento de Emergências Federal Emergency Management Agency. (FEMA) está planejando a possibilidade de o presidente Donald Trump fazer uma declaração de emergência para trazer fundos e pessoal extras para ajudar na resposta ao coronavírus, de acordo com documentos internos obtidos pela NBC News.

Os funcionários da FEMA estão se preparando para uma “declaração de emergência de doenças infecciosas” do presidente que permitiria à agência fornecer fundos para alívio de desastres aos governos estaduais e locais Bem como assistência federal para apoiar a resposta ao coronavírus.

[irp posts=”270″ name=”CONSPIRAÇÃO: Caixões da FEMA aqui no Brasil?”]

FEMA

O governo Trump teria que usar a Lei Stafford de 1988 para permitir que a FEMA forneça essa assistência a desastres. As declarações de emergência costumam ser usadas em caso de desastres naturais, mas podem ser usadas para ajudar a gerenciar surtos de doenças.

“Para mim, essa é outra indicação de que o presidente e a Casa Branca estão finalmente cientes da gravidade da situação. Eles precisam considerar todas as ferramentas disponíveis para eles e ter contingências para ação”. disse Michael Coen, que foi chefe de gabinete da FEMA durante o governo Obama.

“Eu realmente acho isso reconfortante. Espero que essa discussão esteja acontecendo continuamente nos últimos dois meses”. disse Tim Manning, vice-administrador da FEMA sob o presidente Barack Obama.

Uma declaração de emergência permitirá à FEMA fornecer equipes de assistência médica a desastres, hospitais móveis e transporte militar, entre outros tipos de apoio federal, disse Manning.

O fundo de ajuda humanitária da FEMA tem um saldo atual de US $34 bilhões, de acordo com a última atualização da agência.

“É o dinheiro que está lá e pronto”, disse outro ex-funcionário da FEMA, que se recusou a ser identificado.

A porta-voz da FEMA, Lizzie Litzow, disse que a agência atualmente está focada em apoiar o Departamento de Saúde e Serviços Humanos (HHS), que declarou separadamente uma “emergência de saúde pública” em 31 de janeiro. Permitindo que o HHS acesse fundos e outros recursos para ajudar na contenção do vírus.

“No momento, não há nada adicional à emergência de saúde pública do HHS”, disse Litzow.

Declaração Anterior

Não seria a primeira vez que o governo federal utilizaria os recursos da FEMA para auxiliar em um evento médico.

Em 2000, o presidente Bill Clinton usou uma declaração de emergência da. Então Lei Stafford para surtos da febre do Nilo Ocidental que ocorreu em Nova York e Nova Jersey. Foi solicitado até US $5 milhões em ajuda federal para complementar os esforços estaduais de combate aos vírus transmitido por mosquitos.

As declarações de emergência são distintas das declarações de “grandes desastres”, que são de maior alcance e são normalmente usadas para furacões, inundações e outros desastres naturais.

Fama Conspiratória


Certamente a FEMA é bastante conhecida no mundo por conta dos seus temidos caixões na qual muitos associam eles a planos de redução populacional orquestrado pelas elites globais

Enfim, há que diga que a FEMA foi criado tanto por conta de uma possível guerra civil nos. EUA ou por causa do governo já saber quem um enorme desastre está por vir.

Fonte: NBC

Olá caros leitores!

Meu nome é Hericson, mais conhecido por vocês como CG_ADM.

Sou o fundador da rede de noticia militar, Conflitos e Guerras.

Espero poder está sempre ao lado de vocês provendo noticias de qualidade.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.