Erdogan: “Logo atacaremos e eliminaremos os terroristas curdos na Síria”

A Turquia vai lançar uma operação na Síria, no leste do rio Eufrates, disse o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, acrescentando que Ancara já notificou a Rússia e os Estados Unidos sobre seus planos.

“Agora entraremos no a leste do Eufrates quando entramos em Afrin, Jarablus, al-Bab [cidades na Síria]. Compartilhamos essa [informação] com a Rússia e os Estados Unidos”, anunciou Erdogan durante seu discurso em a cidade de Bursa, no noroeste da Turquia.

O presidente Erdogan afirmou que Moscou foi o primeiro à ser notificado sobre a operação contra os curdos. Erdogan ainda falou que conta com a ajuda russa e iraniana na guerra contra os curdos.

Leia também: Governo da Turquia diz está pronto para reinventar o Chipre

Em 2018, a Operação Ramo de pliveira liderada pela Turquia, no distrito predominantemente curdo de Afrin, no norte da Síria, resultou em mais de mil combatentes curdos mortos, além de vários civis, rebeldes e soldados turcos.

Em março deste ano, Ancara anunciou uma operação contra o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), designado por Ancara como uma organização terrorista, no norte do Iraque. Essa operação no Iraque conta com o apoio militar e logístico tanto do próprio Iraque quanto do Irã.

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.