Urgente: Mísseis dos Houthis atingiram aeroportos na Arábia Saudita e deixaram mortos e feridos

Um porta-voz militar do grupo iemenita disse que o ataque de quarta foi uma resposta aos “crimes” da coalizão contra o Iêmen. “Os sistemas americanos mais modernos não conseguiram interceptar o míssil”, afirmou em comentários feitos pelo centro de mídia do grupo.

Na terça-feira, também por meio de um porta-voz, o grupo rebelde iemenita afirmou que atacaria todos os aeroportos da Arábia Saudita — e que os próximos dias revelariam “grandes surpresas”.

Leia também: O governo saudita estaria abafando a notícia de que forças Houthis teriam matado 100 militares dentro do reino

O conflito no Iêmen é amplamente visto na região como uma guerra indireta entre a Arábia Saudita e o Irã. Os Houthis negam ser soldados do país persa e dizem que sua revolução é contra a corrupção.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.