EUA impõe novas sanções contra Cuba, dessa vez proibindo cruzeiros turísticos para a Ilha

/

O governo Trump acaba de desferir mais um golpe ao turismo entre EUA e Cuba, proibindo as viagens em grupos de americanos, assim como cruzeiros marítimos à ilha.

A medida é uma forma de pressionar e desestabilizar de, uma só vez, os regimes que controlam Cuba e Venezuela.

Leia também: Trump ameaça impor um embargo total contra Cuba caso o país continue apoiando Maduro

Ainda não se sabe se essas medidas serão ou não eficazes, pois as mesmas são muito criticadas por democratas e republicanos moderados, pois os mesmos afirmam que a população de Cuba será mais afetada do que o governo de Havana. Esses parlamentares podem tentar derrubar a medida no Congresso americano.

Apesar da crítica de políticos, a população cubana dos EUA, apoiam em sua maioria as medidas do presidente Trump, que venceu as eleições no estado da Flórida graças principalmente ao apoio dessa população.

Leia também: Brasil ingressa no Comando do Sul norte americano contra a Venezuela

Nos primeiros quatro meses deste ano, mais de 140 mil americanos visitaram a ilha a bordo de navios de cruzeiro, o que equivale ao aumento de 300% em relação ao mesmo período em 2018. Sete transatlânticos estavam programados para ancorar este mês em Havana.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.