Em áudio interceptado pela polícia, traficantes planejam incêndios para fechar vias expressas do Rio

/

A polícia interceptou uma conversa entre criminosos onde eles combinavam comprar combustível para provocar incêndios nas linhas Vermelha, Amarela e na Avenida Brasil, as três vias expressas mais importantes do Rio.

Na manhã desta quarta-feira, a prisão de homens apontados como chefes do tráfico do RJ terminou em confronto, vias fechadas e criminosos abatidos. O maior tumulto foi no Complexo da Maré, na Zona Norte, margeado pelas linhas Vermelha e Amarela, que foram interditadas.

Leia também: Urgente: O líder do tráfico de drogas na Zona Norte do Rio de Janeiro foi abatido por PMs

Em um trecho do diálogo, os bandidos combinam o que eles iriam comprar para executar o plano.

— Vamos fazer esse vandalismo aí na Linha Vermelha?

— Já estou agitando aqui. Já agitando.

— Manda o mototáxi comprar a gasolina ou então álcool mesmo no mercado aí.

Segundo os criminosos, o objetivo é “parar a linha Vermelha, Amarela e a Brasil”, que são as três principais vias expressas da capital fluminense e se vingar assim do governador Witzel. Eles chegam a afirmar que “os ‘alemão’” ficariam cercados. A gíria é usada para se referir aos inimigos – traficantes ou policiais.

Leia também: Traficantes são abatidos na Cidade de Deus por tiros do “Caveirão da Civil” após terem atacado o mesmo

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.