ONU afirma que a Força Aérea de Haftar está bombardeando campos de refugiados na Líbia

A Organização das Nações Unidas (ONU), acusou formalmente o Marechal Khalifa Haftar de estar bombardeando abertamente campos de imigrantes e refugiados africanos.

De acordo com a ONU, os caças do Marechal começaram à bombardear os campos há algumas semanas, depois de uma reunião no Egito com seus aliados eurasianistas.

Leia também: O Marechal Haftar determinou a imediata prisão e a deportação de todos os sírios na Líbia

Haftar confirmou os bombardeios, porém afirmou que os alvos dos ataques aéreos eram posições militares de milicianos e traficantes de pessoas que estavam baseados nos campos.

Nesses bombardeios, ao menos 37 milicianos e traficantes de pessoas foram mortos, junto com ao menos 67 imigrantes africanos.

Esses campos serviam como local para proteção dos imigrantes e refugiados que planejam ir até a Europa, no entanto, desde que a batalha por Trípoli começou, os imigrantes não puderam mais sair do país em direção à Europa, pois a Marinha líbia leal à Haftar impôs um bloqueio nos portos controlados por Trípoli.

Olá caros leitores!

Meu nome é Hericson, mais conhecido por vocês como CG_ADM.

Sou o fundador da rede de noticia militar, Conflitos e Guerras.

Espero poder está sempre ao lado de vocês provendo noticias de qualidade.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.